Biotina: entenda por que ela é tão importante para o crescimento da unha e do cabelo - InBeauty Brasil

Blog Inbeauty Day

3 jun

Biotina: entenda por que ela é tão importante para o crescimento da unha e do cabelo

Você já teve a impressão de que se juntasse todos os fios de cabelo que perde em uma semana conseguiria fazer uma peruca? Se a resposta for sim, atenção: a queda de cabelo é um dos principais sintomas de que algo não está funcionando perfeitamente no seu corpo. 

É bem provável que nas fases em que a queda de cabelo é maior, as unhas também quebrem com mais facilidade. Se esse for o seu caso, pode apostar que há uma carência de Biotina, integrante do complexo vitamínico B.

“Bioquê”?

Bi-o-ti-na! Conhecida como “vitamina B7”, ela é na verdade uma coenzima com alta capacidade de sintetização de nutrientes e deve ser reposta diariamente. Isso porque ela se dissolve na água e seu excesso é eliminado na urina, ou seja, o corpo não armazena. Bem que isso podia acontecer com o carboidrato, que vira gordura e fica acumulado onde a gente não quer, né? Mas vale lembrar que nossa queridinha metaboliza gorduras, açúcares e proteínas, o que a torna uma aliada nas dietas.

Faz cabelos e unhas crescerem?

Sim! Biotina está para o crescimento de cabelos e unhas, como o sol está para o bronzeado de verão. Essa vitamina (ou coenzima) é fundamental para a saúde dos fios e das unhas, principalmente, porque auxilia na produção da famosa queratina (principal proteína do fio), que fortalece e reconstrói as estruturas de ambos. Consequência disso é a prevenção da queda, assim como cabelos saudáveis e unhas fortes. É praticamente o fim do cabelo e da unha que quebra ou que não cresce! Ah, e de quebra, a Biotina ainda age na melhora da pele e na saúde do sistema nervoso. Maravilhoso, não é?

E se faltar, acontece o quê?

A ausência total de Biotina é um tanto incomum, uma vez que ela está presente em diversos alimentos. O que acontece com mais frequência é um nível baixo do nutriente, que traz sintomas bem visíveis, como a queda de cabelo, unhas e fios fracos, pele ressecada. Em casos mais graves, podem ocorrer conjuntivite, depressão, dermatite, anemia, entre outros. Ninguém quer isso, não é? Então, siga a leitura pra saber…

…onde encontrar a Biotina

Como vimos, nosso corpo produz pequenas quantidades de Biotina e elimina o que não é aproveitado. Dessa forma, é indicado que se reponha a vitamina diariamente, seja por meio da alimentação, da suplementação ou na combinação das duas. Importante destacar também que há pessoas que têm dificuldade em absorver a Biotina, como cujo sangue é do grupo A.

Nos alimentos, a Biotina pode ser encontrada nas sementes oleaginosas, como amendoim, avelã, noz, amêndoa, castanha-de-caju, nos cereais como aveia e arroz, no leite, na espinafre, nas batatas, na gema do ovo, em carnes de ave e de gado, bem como nos cogumelos.

Já os suplementos de Biotina podem ser encontrados em farmácias e em lojas de suplementação alimentar. A apresentação é em cápsulas e a administração é via oral, visto que a pele não é capaz de absorver satisfatoriamente a Biotina na forma de creme ou gel, embora ela também seja apresentada nesse formato. Não há contra-indicações e o suplemento, além de repor a vitamina, acelera o processo de crescimento de cabelos e unhas.

Outros benefícios da Biotina: muito além de cabelo e unha

A essa altura, você provavelmente deve estar apaixonada ou apaixonado pela Biotina. Mas calma, que vem mais! Além de exercer esse papel fundamental no crescimento saudável do cabelo e das unhas, a Biotina auxilia o corpo em diversas atividades, como vamos ver agora.

Perda de peso: como todas as vitaminas do complexo B, a Biotina é importantíssima no processo metabólico. Ela atua no controle dos níveis de açúcar no sangue e, consequentemente, mantém baixos os níveis de insulina, hormônio que estimula o acúmulo de gordura. Age na digestão de proteínas, gorduras e açúcares.

Ganho de massa muscular: como vimos, a Biotina atua na reconstrução de tecidos e estruturas. Dessa forma, sua presença é super importante para o ganho de massa muscular, pois atua em conjunto com os treinos de hipertrofia (aumento dos músculos).

Controle do colesterol e triglicerídeos: quando está no nível certo, a Biotina age na redução do colesterol e dos triglicerídeos, diminuindo com isso os riscos de hipertensão e de problemas circulatórios.

Demais, né? Mas atenção: não é uma solução milagrosa, tampouco instantânea. O resultado vem a partir de um processo natural do corpo, que reage às substâncias que ingere, ok? Além disso, cada corpo tem suas particularidades e sua resposta aos estímulos pode variar. Por isso, é fundamental ter acompanhamento de um profissional da saúde e cultivar hábitos alimentares saudáveis, ok?

Suplemento de Biotina tem efeito colateral?

Como vimos, cada corpo reage de uma forma diferente ao que consome. Praticamente tudo o que ingerimos produz um efeito no nosso organismo, principalmente se consumido em excesso ou quando está em falta. Felizmente, os registros de efeitos colaterais da Biotina não apontam reações graves e citam basicamente irritações gastrointestinais, podendo ocasionar diarreia e náusea.

Biotina engorda?

N-Ã-O! 

Não engorda porque ela é uma vitamina (logo, não contém calorias) e na verdade só tem benefícios. Inclusive, vale repetir, ela pode auxiliar no processo de perda de peso.

Ficou com alguma dúvida? Compartilhe com a gente e continue acompanhando nosso blog. 
Já segue nossas redes? Corre lá e conecte-se com a gente!